Dr. João Daniel Caliman e Gurgel Otorrinolaringologia e Cirurgia Crânio-maxilo-facial Mestrado e Doutorado em Medicina

Telefone: 27 3371-6836

Procedimento

Cirurgia Endoscópica Nasossinusal (cirurgia para sinusite)

Cirurgia Endoscópica Nasossinusal (cirurgia para sinusite)

Cirurgia Endoscópica do Nariz e dos Seios Paranasais

Cirurgia endoscópica do nariz e dos seios paranasais é um procedimento cirúrgico realizado basicamente para remover e remodelar as estruturas que prejudicam a drenagem dos seios paranasais e para promover uma melhor respiração.

Quando o funcionamento dos seios paranasais está afetado, estruturas de dentro do nariz estão grandes demais ou localizadas inadequadamente, sinusite e outras condições podem ocorrer, causando a dor, sensação de rosto pesado, cheiro ruim, dificuldade respiratória, presença de secreções, entre outros sintomas.

Benefícios

A cirurgia endoscópica pode ser utilizada para aliviar sintomas associados a:

  • Sinusite;
  • Desvios de septo ou hipertrofia de cornetos;
  • Pólipos nasossinusais.

Existem casos particulares de outras doenças que também podem ser tratadas por via endoscópica nasossinusal, tais como:

  • Dacriocistite crônica (inflamação crônica das vias lacrimais);
  • Remoção de tumores do nariz, seios paranasais e base do crânio.

Objetivos do tratamento

  • Redução do número e gravidade das infecções dos seios paranasais;
  • Melhoria dos sintomas associados à sinusite;
  • Melhoria do fluxo de ar através do nariz;
  • Em muitos casos pode haver recuperação da olfação (capacidade de sentir cheiro).

Tratamento Cirúrgico

  • A cirurgia endoscópica é realizada sob anestesia geral;
  • O seu médico irá usar um endoscópio, uma haste fina acoplada a uma câmera, com uma luz na ponta, para que seja obtida a melhor visualização e ampliação possível dos tecidos do nariz e dos seios paranasais;
  • Instrumentos especializados são utilizados de forma segura e eficaz para remover as causas de bloqueio dos seios e/ou alterações anatômicas naturais, pólipos nasais e tecido cicatricial;
  • Instrumentos especializados também são utilizados para endireitar o septo e reduzir o tamanho das conchas nasais (cornetos), se necessário;
  • A cirurgia endoscópica normalmente não envolve cortes através da pele, já que é realizada inteiramente através das narinas.